Aves

Trinta-réis-real

Thalasseus maximus

Distribuição

Na costa atlântica da África até a América, Peru na costa do Pacífico e Argentina no Atlântico

Habitat

Costeira, estuários, mangues, lagoas e praias arenosas

Alimentação

Pequenos peixes, crustáceos e lulas

Status de conservação

Pouco Preocupante (IUCN)

Taxonomia

Ordem Charadriiformes, Família Laridae

Compartilhar

Facebook Twitter Pinterest Google+

Apesar de estar avaliada como "Pouco Preocupante" pela IUCN, No Brasil, encontra-se na lista de espécies ameaçadas de extinção (Portaria MMA 444/2014). É migrante, presente nas praias ao longo da costa brasileira de norte a sul do país. O número de indivíduos aumenta durante o inverno da América do Norte, quando bandos voam para as regiões mais quentes na América do Sul. É a maior espécie de trinta-réis do Brasil, medindo até 53 cm de comprimento e pesando 450g. No Brasil, o período reprodutivo vai de junho a dezembro. Depositam um único ovo, raramente dois, em pequenas depressões rasas na areia ou diretamente na rocha. Os ninhos localizados na periferia da colônia têm alta taxa de predação. Os filhotes são nidífugos, e abandonam a colônia cerca de 40 dias. Ela está em perigo de extinção no Brasil, devido à poluição e a sobrepesca de suas presas como a sardinha.