Tartarugas

Tartaruga-de-couro

Dermochelys coriacea

Distribuição

São encontradas em todo o mundo, em oceanos tropicais e temperados

Habitat

Ocorre em mar aberto, no ambiente pelágico

Alimentação

Sua dieta é composta exclusivamente por zooplâncton gelatinoso, tais como salpas, águas-vivas e pyrossomos

Status de conservação

Criticamente em perigo (IUCN)

Taxonomia

Ordem Testudinata, Família Dermochelydae (tartarugas de casco mole)

Compartilhar

Facebook Twitter Pinterest Google+

É a maior espécie de tartaruga marinha podendo pesar até 900kg (peso médio de 400 kg) e medir 1,80 metros de comprimento de carapaça. Sua longevidade é desconhecida, mas estima-se que vive entre 70 e 80 anos. Seu nome está relacionado com a sua carapaça, que é formada por uma pele fina e resistente e milhares de placas ósseas. Possuem poucos ninhos e uma área de desova extremamente limitada no Brasil, localizada apenas litoral norte do Espírito Santo, próxima a foz do Rio Doce. Dentre as principais ameaças para esta espécie estão a captura incidental na pesca oceânica com espinhel.