Canadenses pedem o fim do desastre plástico



09 Junho 2020

Nosso mundo está diante de um desastre plástico. Estima-se que 22 milhões de quilos desse material vazem para o oceano todos os dias, o equivalente a despejar um caminhão de lixo a cada minuto. Ontem, 8 de junho de 2020, no Dia Mundial dos Oceanos, a Oceana Canadá – apoiada por canadenses de todo o país – enviou ao Primeiro Ministro Justin Trudeau e ao Ministro do Meio Ambiente, Jonathan Wilkinson, um abaixo assinado pedindo que seja cumprido o compromisso de proibir os plásticos descartáveis, prejudiciais e desnecessários, como canudos, garrafas, copos e outras embalagens de alimentos para por fim ao desastre do plástico

O plástico está em toda parte e em todas as coisas, e nunca desaparece. Com o tempo, ele se decompõe em pequenos pedaços, que todos comemos e respiramos. Com o crescimento diário da produção e do uso de plásticos no mundo, o desastre aumenta. Está no gelo do Ártico, em todos os peixes testados nos Grandes Lagos, nas baleias beluga, em aves marinhas e em mais da metade de todas as tartarugas marinhas. A vida do mar se enreda nesse plástico e o come. Os plásticos estão no fundo do oceano, em suas partes mais profundas, e até foram encontrados na brisa do oceano. A previsão é de que o volume de resíduos plásticos aumente quatro vezes até 2050.

“Pesquisas recentes mostraram que a grande maioria dos canadenses quer um futuro sem poluição por plásticos”, disse Josh Laughren, Diretor Executivo da Oceana Canadá. “O governo se comprometeu a reduzir os plásticos descartáveis, e é fundamental que esse compromisso seja cumprido, pelo bem dos nossos oceanos, por nós e pelo nosso futuro. O Canadá tem a oportunidade de mostrar uma forte liderança global diante do desastre e se unir a outros países na construção de um futuro sem plástico.”

O Canadá faz parte do problema global dos plásticos, gerando cerca de 3,3 milhões de toneladas de resíduos por ano, e menos de 10% disso são reciclados.

“O Canadá se comprometeu a ajudar a resolver esta crise do plástico. Pedimos aos canadenses que deem seu apoio aderindo ao abaixo-assinado para que o governo cumpra sua promessa de proibir plásticos descartáveis ​​desnecessários até 2021”, disse Kim Elmslie, Diretora de Campanhas da Oceana Canadá. “Juntos, podemos acabar com o desastre cada vez maior do plástico”.

Os canadenses podem assinar em Change.org/EndThePlasticDisaster.

A Oceana Canadá foi fundada em 2015, como uma instituição beneficente independente, e faz parte do maior grupo internacional de incidência dedicado exclusivamente à conservação dos oceanos. A Organização fez campanhas bem sucedidas para acabar com o comércio de barbatanas de tubarão, tornar lei a reconstrução de populações esgotadas de peixes, melhorar a gestão das pescarias e proteger o habitat marinho. Trabalhamos com a sociedade civil, acadêmicos, pescadores, povos indígenas e o governo federal para devolver à saúde e à abundância os oceanos do Canadá, que já foram vibrantes. Restaurando os oceanos do país, podemos fortalecer nossas comunidades, obter maiores benefícios econômicos e nutricionais, e proteger nosso futuro.